365 motivos para amar Salvador

4 de março – Teatro Castro Alves

Por Carol Andrade

A arquitetura moderna do TCA no bairro Campo Grande (Foto: Adenor Gondim)

A arquitetura moderna do TCA no bairro Campo Grande (Foto: Adenor Gondim)

Taí um motivo bem próximo do unânime na cidade: todo mundo simpatiza com o Teatro Castro Alves. E hoje o nosso querido TCA acaba de completar 46 anos de inaugurado. Um coroa prestes a receber uma super reforma, mas ainda sim um coroa enxuto e moderninho, né não?

A construção da Concha Acústica nos anos 50 (Foto: Arquivo/Teatro Castro Alves)

A construção da Concha Acústica nos anos 50 (Foto: Arquivo/Teatro Castro Alves)

O projeto do teatro começou com um movimento da classe artística soteropolitana e deveria ser entregue em 1958, nove anos antes da sua inauguração de fato. Foi um incêndio de causas desconhecidas que comprometeu o prazo. O estranho é que o teatro pegou fogo poucos dias antes de ser inaugurado, mas acabou justificado como um curto circuito na parte elétrica.

Além do incêndio, outros momentos ao longo do TCA fizeram a história do lugar. Grandes e inesquecíveis shows e espetáculos aconteceram naqueles palcos. Chico Buarque e Caetano Veloso rendeu inclusive um incrível disco. Depois foi a vez de Caetano e Gil no último show antes do exílio, nos anos 70. E ainda a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) e Filhos de Gandhy, e mais João Gilberto, Maria Bethânia e Gal Costa. Também passaram por lá Raul Seixas, os Balés Bolshoi e Kirov, entre outros espetáculos incríveis.

A banda (que sempre lota a Concha Acústica) Los Hermanos em 2010 (Foto: Reprodução/Luisão Pereira)

A banda (que sempre lota a Concha Acústica) Los Hermanos em 2010 (Foto: Reprodução/Luisão Pereira)

Mas nem sempre de flores viveu o TCA, após um período abandonado nos anos 80, sofreu uma degradação triste, e até passou por outro incêndio, até que em 89 foi totalmente reformado.

Agora prestes a entrar numa mega reforma, o Teatro é um equipamento muito importante para a cultura de Salvador. São grandes projetos, como a  Série TCA (grandes e renomados concertos), o Domingo no TCA (com preços populares), os próprios Balé do Teatro Castro Alves (BTCA) e a OSBA, entre outros.

O complexo envolve a Sala Principal, Sala do Coro, Foyer, Jardim Suspenso, Café Teatro e, claro, a Concha Acústica. E garanto que cada soteropolitano já assistiu pelo menos um show memorável na Concha. Dos mais recentes, a gente pode citar Los Hermanos, Banda Eva, Pablo, Ilê Aiyê, Baby do Brasil…

E a gente trata o Castro Alves como um ser soteropolitano mesmo. É muito carinho e respeito por aquele lugar de arquitetura moderna em frente ao Campo Grande. Parabéns TCA!

+ infos:
Site: Teatro Castro Alves

* motivo #63

This entry was written by carolangom and published on March 4, 2013 at 10:02 pm. It’s filed under teatro and tagged , , , , , . Bookmark the permalink. Follow any comments here with the RSS feed for this post.

5 thoughts on “4 de março – Teatro Castro Alves

  1. Pingback: 7 de agosto – Neojiba | 365 motivos para amar Salvador

  2. Pingback: 1º de outubro – Rota Carybé | 365 motivos para amar Salvador

  3. Pingback: 31 de outubro – Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) | 365 motivos para amar Salvador

  4. Pingback: 23 de dezembro – Espaço Cultural da Barroquinha | 365 motivos para amar Salvador

  5. Pingback: 30 de dezembro – BaianaSystem | 365 motivos para amar Salvador

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: