365 motivos para amar Salvador

17 de julho – Palácio Rio Branco

Por Carol Andrade

Palácio Rio Branco (Foto: Ronaldo Silva/AGECOM)

Palácio Rio Branco (Foto: Ronaldo Silva/AGECOM)

O imponente Palácio Rio Branco se destaca na Praça Municipal Tomé de Souza, bem ali diante da atual Prefeitura de Salvador e vizinho ao famoso Elevador Lacerda. Não é difícil imaginar a história que aquela construção guarda, e nem precisa prestar tanta atenção. Ele, por si só, já revela seu esplendor pela arquitetura, pela localização, por suas memórias.

Poucos soteropolitanos sabem mas este foi o primeiro palácio do Brasil. Na verdade, quando foi construído, não tinha nem cara de palácio, era de taipa e bem modesto. Na verdade, foi criado como ‘Casa dos Governadores’ e assim permaneceu até que em 1919 foi reinaugurado na versão que conhecemos hoje, mas com um novo nome: Palácio Rio Branco.

Escadaria de vidro coberta com tapete vermelho no Palácio Rio Branco (Foto: Ronaldo Silva/AGECOM)

Escadaria de vidro coberta com tapete vermelho no Palácio Rio Branco (Foto: Ronaldo Silva/AGECOM)

De 1549 (início da sua construção) até 1919, o lugar chegou a acolher a administração portuguesa, sob comando de Tomé de Souza e em seguida também abrigou a corte real fugida de Napoleão Bonaparte, em 1808, com Dom João VI, Dona Carlota Joaquina e o resto da família. Foi uma paradinha esperta antes de se fixar no Rio de Janeiro. Estão lembrados dessa aula de história?

Assim como boa parte das construções antigas da cidade, o palácio precisou passar por reconstruções, ampliações e reformas. Bombardeado em 1912, a construção sofreu ainda com o fogo e com a depredação pública. Só em 1919 ele ganhou nova fachada, com projeto do arquiteto Júlio Conti.

Até os anos 70, o Palácio Rio Branco funcionou como centro de decisões do Estado da Bahia (Foto: Reprodução)

Até os anos 70, o Palácio Rio Branco funcionou como centro de decisões do Estado da Bahia (Foto: Reprodução)

Essa beleza toda e o glamour que o palácio guarda faz dele um lugar quase intocado pelos soteropolitanos. Além do respeito, a construção que ganhou revitalização em 2010, parece intimidar.

Na primeira temporada (também no Palácio Rio Branco) do espetáculo Paradox - Baile Contemporâneo (Foto: Tiago Lima)

Na primeira temporada (também no Palácio Rio Branco) do espetáculo Paradox – Baile Contemporâneo (Foto: Tiago Lima)

Pouca gente sabe que o lugar recebe visitas e que de vez em quando abre seu espaço para mostras culturais. Como é o caso do espetáculo de dança Paradox – Baile Contemporâneo, que fica em cartaz até o dia 27 de julho, sempre às 17h, com entrada gratuita.

Entre tapete vermelho, escadaria de vidro, salão de grandes espelhos, sacadas e uma varanda debruçada pra a Baía de Todos os Santos, não tem como ignorar a exuberância do nosso palácio.

E se não existe aquele que passe despercebido só de olhar a fachada da construção, imagina quem visita o lugar por dentro?  Agora com o espetáculo não tem mais desculpa.

É um convite a um passeio na história, à apreciação da dança contemporânea, à novas descobertas, ou seja, um convite imperdível!

+ infos:
Site Professor Cid Teixeira: Palácio Rio Branco
Fotos/Agecom: Palácio Rio Branco
Paradox – Baile Contemporâneo: De 17 a 27 de julho, de quarta a sábado, às 17h, com entrada gratuita.

This entry was written by carolangom and published on July 17, 2013 at 7:20 pm. It’s filed under arquitetura, Baía de Todos os Santos, Entretenimento and tagged , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Follow any comments here with the RSS feed for this post.

One thought on “17 de julho – Palácio Rio Branco

  1. Pingback: 15 de setembro – Balaustradas de Salvador | 365 motivos para amar Salvador

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: