365 motivos para amar Salvador

24 de dezembro – Centro Náutico da Bahia

Por Carol Andrade

Com cara de casinha em azul e branco, o Terminal Turístico Marítimo fica em frente ao Mercado Modelo e uma opção interessante para sair de Salvador no verão (Foto: Reprodução)

Com cara de casinha, em azul e branco, o Centro Náutico fica em frente ao Mercado Modelo e é uma opção interessante para sair de Salvador no verão (Foto: Reprodução)

Então chegou o Natal, com cada vez mais movimento de saída e chegada em Salvador Todo ano é a mesma coisa (e em qualquer cidade): filas nas estradas, no ferry-boat, na rodoviária e no aeroporto. Mas tem um lugar, que mais parece uma casinha, que virou uma alternativa para as fugas de verão. É o Centro Náutico, bem em frente do Mercado Modelo. De lá é possível viajar com as lanchas rápidas para as ilhas mais próximas e outras mais distantes, como Morro de São Paulo, por exemplo.

Quando a maioria das pessoas apostam na travessia de ferry-boat, as lanchinhas, catamarãs e escunas parecem uma opção muito mais rápida, além de divertida, ao atravessar a Baía de Todos os Santos. Mas como todos as vias de transportes da cidade estão supercheias nessa época do ano, não dá para garantir uma tranquilidade absoluta no Centro Náutico, afinal ele também fica bastante disputado.

Por aqui é possível embarcar com um pouquinho mais de graça. Afinal, de um barquinho tradicional e geralmente lotado, a vista para Salvador parece ainda mais especial. E quando os olhos e os ouvidos estão atentos ao redor, é possível se surpreender com as figuras que dividem a travessia com você. Isso porque diferente do ferry-boat, as lanchas são menores e se tiver mais cheia que o normal, as pessoas ficam realmente próximas.

A lanchinha rápida tem modelo de barco tradicional e costuma (Foto: Mateus Pereira/Secom)

A lanchinha rápida tem modelo de barco tradicional e atravessa a baía cheia de charme, tradição, barulho, tudo no balanço do mar (Foto: Mateus Pereira/Secom)

Basta um veraneio na ilha para entrar na onda da lanchinha que é ainda uma das opções mais rápidas e baratas para chegar do outro lado da baía. Mas eu vou logo avisando: o trajeto é muito menos suave do que no ferry. Lembro quando era mais nova e precisei atravessar inúmeras vezes a baía para curtir o verão na casa da ilha alugada pela família da minha amiga. Eram muitas sacudidas com emoção até chegar do outro lado.

Sem contar o barulho do motor. Mas olha, toda a aventura compensava a lentidão e filas quilométricas do ferry e ainda aquietava a gurizada. Depois de umas seis viagens, em diferentes ocasiões, apelidamos as lanchinhas de popopó, que era mais ou menos a sensação da viagem, com direito a som e movimento do barquinho.

Assim como no ferry, e como muitos lugares da cidade, é possível ver todo tipo de gente misturada, com diferentes destinos. Tem a galera que vai curtir os lugares mais populares da Ilha de Itaparica e tem os granfinos partindo para o reveillón em Morro de São Paulo. Os lugares mais distantes, lógico, são mais caros. Mas há quem reclame das turbulências e enjoos ao longo da viagem que dura uma média de 1h40 a 2h30. Já o tradicional e, muito mais próximo, Salvador – Bom Despacho é bem mais acessível.

Para falar a verdade, a ideia não é convencer dizendo que ir de lancha é melhor ou pior do que ir de ferry. É uma viagem mais rápida? É tranquila? Na maioria das vezes sim, mas não dá para se apegar totalmente nisso. O que a gente garante é que essa é uma das maneiras mais tradicionais de atravessar a Baía de Todos os Santos e que é muito legal viver essa experiência no popopó. Entre uma sacudida e outra, é possível sentir o movimento do mar, o visual, tudo em um típico barco de travessia, sem muitas tecnologias ou qualquer luxo.

Mas nem só de travessia vive o nosso Centro Náutico. De lá é possível fazer passeios pelas ilhas de Salvador e região. Naquela área também dá para descobrir escunas para alugar por dia para eventos familiares ou corporativos. O importante é planejar tudo isso com bastante antecedência. Inclusive a passagem. Especialmente no verão, quanto mais cedo comprar a passagem, mais garantida fica a sua viagem.

+ infos:
Bahia.com: Lanchas para Morro de São Paulo
Visite a Bahia: Centro Náutico da Bahia
Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab)
Astramab: Horários e traifas da travessia
Telefone da Astramab: (71) 3014-4086

motivo #358

This entry was written by carolangom and published on December 24, 2013 at 4:36 pm. It’s filed under Baía de Todos os Santos, passeio, programa barato, Serviço, verão, vista and tagged , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink. Follow any comments here with the RSS feed for this post.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: